Buscar
  • Rodrigo Veiga

A Quiropraxia Desportiva


A Quiropraxia, há mais de um século de atividade vem desempenhando importante papel no mundo, sendo uma profissão primária da saúde que visa o cuidado preventivo e correções das disfunções neurológicas, articulares e musculares. Assim como a Medicina que possui especializações, a Quiropraxia por sua vez também: Neurologia, Desportiva, Pediátrica, entre outras.

A Quiropraxia Desportiva é regida mundialmente pela FICS - Federação Internacional de Quiropraxia Desportiva - desde 1987. A FICS é governada sob o estatuto do Código Civil Suíço e complementado através de um conselho formado eleito pelas 7 regiões do mundo - África, Ásia, Mediterrâneo Oriental, Europa, América Latina, América do Norte e Pacífico.


Nos anos 90, em países com maior atuação da Quiropraxia notou-se que a recuperação das pessoas com diversos problemas e condições agudas e crônicas se destacava. Destaque esse por ser uma profissão que tem como intuito o estimulo neurológico, que por sua vez provoca o aumento ou re-equilíbrio da homeostase, sendo assim, o corpo tem maior habilidade de recuperação num curto período de tempo, sem medicamentos, sem cirurgia.


Com o passar nos anos, atletas profissionais começaram a procurar o cuidado quiroprático porque constatavam os resultados clínicos expressivos às pessoas. Com esta procura, precisou-se então avançar nas pesquisas científicas, nos estudos de técnicas e nos métodos para aprimoramento do desempenho clínico com maior eficácia e menor tempo de recuperação, a fim de recuperar os atletas mais rapidamente. Entendo que parecia uma troca justa, a cada técnica inovadora eficaz que surgia, os atletas recuperados mostravam à sociedade os benefícios que a Quiropraxia proporcionara. Era uma via de mão dupla.


Hoje em dia há diversas técnicas inventadas por quiropraxistas conhecidas mundialmente, como ART (Active Release Technique), Graston, FAKTR, Kinesio Taping (Bandagem) das quais são utilizadas por outros profissionais da saúde.


A premissa da Quiropraxia é encontrar a causa do problema que vem trazendo a disfunção em determinada parte do corpo, que por si acarreta em sintomas diversos. É uma visão distinta da medicina convencional, que esta tem seu importante papel, mas trata o sintoma, não a causa. Pessoas perguntam: “Como conseguem tratar sem medicamentos?”, fácil resposta: detectando e corrigindo a disfunção prevalente da lesão em si.

Por exemplo, uma lesão bem conhecida no futebol: fascite plantar. Por este motivo muitos jogadores perdem seus rendimentos devido à esta lesão. Pode ser causada por vários componentes como assimetria da pisada - mal posicionamento do quadril ou calcanhar -, disfunção pélvica - deficiência articulares sacroilíacas ou lombossacral -, mal oclusão mandibular - deficiência entre maxilar, temporomandibular, occipito e cervical -, tontura ou vertigem devido inibição cerebelar ou vestibular, etc. Enfim, há muitas prevalências que devem ser analisadas pelo quiropraxista para que receba o devido tratamento.


E assim, cada lesão é um resultante problemática de um outro sistema. Tudo se conecta, tudo está engrenado através da maestria do sistema nervoso. O corpo humano é uma máquina perfeita, que precisa de um toque de cuidado e prevenção.


4 visualizações

Empresa

Educação

Rede Social

Contato

Quiropraxia Neurológica

Junte-se à nossa missão para melhorar a qualidade de vida através do cuidado quiroprático

__________________

Rodrigo Veiga Quiropraxia

Rua Washington Luiz, 500 sala 602

Porto Alegre, RS 90010-460

(51) 99921-0681

______________________________________

ABQ

Associação Brasileira de Quiropraxia

WFC

Federação Mundial de Quiropraxia